Cristã norte-coreana fala para pastores e influenciadores em São Paulo

share on:

09/04/2019

O evento que aconteceu na última quarta-feira, na cidade de São Paulo, faz parte de uma iniciativa da missão Portas Abertas chamada “Um com eles”. O objetivo é dar visibilidade aos cristãos perseguidos e provocar engajamento a favor deles. Nesse primeiro encontro o público teve o relato da realidade dos cristãos na Coreia do Norte. Estiveram presentes líderes de várias denominações, cantores, blogueiros e influenciadores digitais. Os nossos diretores André Castilho e Ricardo Kroskinsque também marcaram presença no evento.

Na abertura teve um período de louvor ministrado pelos pastores Gerson Borges e Ademar de Campos. Em seguida Hea_Woo, uma cristã da Coreia do Norte, de 74 anos, iniciou seu testemunho com a seguinte fala: “Peço que quando vocês estiverem louvando e adorando a Deus em liberdade, em suas igrejas e suas casas, que vocês se lembrem e orem pelo meu país. Os norte-coreanos não podem cantar hinos em voz alta, em qualquer lugar, nem se reunir em grandes grupos. Eles sequer citam o nome “Deus” ou “Jesus”. O norte-coreano aprende que o cristão é a pior praga que assola a terra e deve ser exterminado. Não podemos louvar assim com toda liberdade que vocês desfrutam. ”

Os quase 30 convidados que ouviram o testemunho de Hea-Woo ficaram impactados com a história que ela compartilhou. Em um vídeo sobre o encontro o pastor Carlos Alberto Bezerra Júnior, falou sobre a importância da igreja brasileira se engajar nessa causa.

Produção e apresentação:Daniel Beltrão
Coordenação:Kaká Rodrigues
Supervisão: André Castilho
Realização:Rádio Trans Mundial