Após fim da censura, multidão vai às ruas declarar que “Jesus Cristo é o Senhor da Bolívia”

share on:

07/02/2018

Na última sexta feira milhares de bolivianos tomaram as principais ruas de Santa Cruz, Sucre, La Paz e Oruro para declarar que Jesus Cristo é o Senhor da sua nação. Segundo a Associação Nacional de Evangélicos da Bolívia, somente em Santa Cruz tinham mais de 250 mil pessoas. Essa foi a primeira Marcha por Jesus depois do fim da tentativa do governo de censurar esse tipo de manifestação. O governo de Evo Morales tentou aprovar o Novo Código Penal que cerceava a pregação do Evangelho no país, contradizendo a Constituição da Bolívia que prevê liberdade de culto e de expressão.

Embora o evento tenha sido promovido pelas igrejas evangélicas, os organizadores dizem que um grande número de católicos se juntou a eles. O pastor Oscar Menacho, um dos líderes do evento, declarou que como cristãos, eles queriam mostrar à Bolívia que a Igreja está unida, nos princípios e valores que ela acredita. Além de fazer orações em favor do país, os participantes levavam faixas e cartazes com dizeres em defesa da vida, da família e da liberdade de culto. Menacho disse ainda que eles foram às ruas proclamar melhores dias para a família, especialmente para as crianças e jovens. Durante a marcha houve um momento de oração pelas autoridades governamentais.

Fontes: Gospel Prime e Christian Broadcasting Network Latina

 

Produção e apresentação: Daniel Beltrão
Coordenação: Renata Theodoro
Supervisão: André Castilho
Realização: Rádio Trans Mundial